A febre heróis de LEGO

19/01/2018

De pecinha em pecinha, franquia deu um salto no mercado gamer e assumiu interesses de uma legião de jogadores, que compartilham ídolos do cinema com a jogatina em família

Parece que a "onda" Lego, direcionada aos jogos eletrônicos e condicionada a jogabilidade própria aconteceu há pouco mais de dois anos, não? Engano nosso! Por incrível que possa parecer, já são mais de 50 títulos da marca que deixaram o tapete de casa para divertir qualquer tipo ou perfil de jogador nas telas.

De Bionicle Heroes (2006) para cá, muita coisa mudou, principalmente na característica gráfica da franquia. Por outro lado, a receita de humor próprio continua agradando (e muito) a todos, incluindo o mais recente jogo da série, lançado no início de dezembro.

Em Lego Marvel Super Heroes 2, jogo com história própria e original norteado pelos principais atributos da marca, ou seja, personagens em sintonia com aquilo que a gente mais absorve nos cinemas, tem como principal foco deter os planos de Kang, um vilão que quer dominar todas as dimensões e diversas épocas ao mesmo tempo.

Doutor Estranho, Punho de Ferro, Pantera Negra, Capitã Marvel, Vespa, Hulk e Homem de Ferro estão no pacote. Mas outros nomes não tão conhecidos por nós entram em cena desta vez, como Kid Colt, Gwenpool, os inumanos e o singular Hit-Monkey. Ao mesmo tempo em que Volverine, Ciclope, Magneto, Deadpool e outros mais ficaram de fora desta vez, talvez por conta de um "mix" comercial situado em interesses internos.

O gameplay é o mesmo da série, com fácil entendimento prático logo de início e estrutura já ocupada nas mentes de jogadores mais assíduos, trazendo um pouco de cansaço. Já para as crianças, a repetição de atividades, diferenciadas - obviamente - pelo tema, ainda agrada demais.

Com gráficos perfeitos (delimitando ser um jogo Lego) e áudio para lá de impressionante - incluindo sua trilha sonora -, sem contar com dublagem perfeita, Lego Marvel Super Heroes 2 é uma excelente pedida para finalizar suas férias com os filhos em casa. Isso se eles não terminarem o game muito antes de você, claro.